O que você está procurando na
    cidade de Rio de Janeiro (Tijuca)?

(21) 98282-8525

CLIQUE E ANUNCIE CONOSCO!

Obrigado! Sua solicitação foi entregue com sucesso!

Oops! Algo deu errado no envio da solicitação...

Obrigado! Sua solicitação foi entregue com sucesso!

Oops! Algo deu errado no envio da solicitação...

Anhanguera
FranquiaGCO
Santos
R.
Anuncie
Mercadinho
Gota
recomendados
PHD

Franca

Fidele

Serralheria

Previsa

AATI

Volfayne

INFORMATIVO

Gostaria de Receber?

** Cupom Desconto **
*** Promoções ***
*** Novidades ***

do Guia Tijuca em seu e-mail?

Thank you! Your submission has been received!

Oops! Something went wrong while submitting the form

NOTÍCIAS: Rio de Janeiro (Tijuca)-RJ
Justiça determina que Rio cumpra investimento mínimo obrigatório em educação
 
foto Notícia Rio de Janeiro (Tijuca)
 
14/03/2018 -

O Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJRJ) determinou hoje (13) que o governo estadual cumpra a Constituição Federal e invista em educação o mínimo obrigatório de 25% de sua arrecadação. A decisão, em caráter liminar, foi assinada pela juíza Maria Paula Gouveia Galhardo, que identificou a prática de pedaladas fiscais, ao atender um pedido feito pelo Ministério Público do Rio de Janeiro (MPRJ).

De acordo com o Artigo 212 da Constituição Federal, os estados, municípios e o Distrito Federal devem investir em educação no mínimo 25% da receita resultante de impostos. Com base neste dispositivo, o MPRJ avaliou que as contas do governo do Rio de Janeiro no exercício de 2017 estão irregulares. A ação havia sido protocolada na sexta-feira (9).

Outras irregularidades também foram apontadas, entre elas a forma inadequada do cálculo das despesas para o cumprimento do mínimo constitucional. De acordo com o MPRJ, os níveis de investimento em educação estão mostrando-se pífios ano após ano.

"A conduta administrativa do executivo fluminense, além de ir contra a previsão legal e promover a confusão de recursos de naturezas distintas em conta única gerida pela Secretaria de Fazenda, compromete o financiamento da Secretaria de Estado de Educação, impondo às unidades gestoras de recursos da área sérias dificuldades de planejamento, além de gerar falta de garantia e previsibilidade de que os compromissos assumidos serão efetivamente honrados", informa o órgão em nota.

Pedaladas

Na decisão, a juíza Maria Paula Gouveia Galhardo destaca que, considerando os relatórios de execução orçamentária anexados à ação, observa-se um emprego na educação de 24,41% da arrecadação. No entanto, ela assinalou que nem esse percentual foi cumprido, porque há evidências de "pedaladas fiscais".

"Ao examinar as despesas efetivamente realizadas em favor da educação, não há outra conclusão, senão reconhecer que sequer os 24,41% correspondem aos gastos efetivamente empregados pelo réu. Isto porque, como bem destacou a peça inicial, o réu se vale de artifício financeiro de considerar como despesa empregada, as contratações realizadas e não pagas. Ou seja, rola dívida para simular o cumprimento da norma constitucional, caracterizando o comportamento, a prática conhecida como pedaladas fiscais", escreveu.

A liminar atende ainda outro pedido do Ministério Público do Rio. A magistrada determinou que, em até 15 dias, o governo crie uma conta ou mais contas em nome da Secretaria de Estado de Educação (Seeduc), para as quais deve ser destinado o montante repassado pelo governo federal através do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb) e do Salário-Educação. Estes recursos não mais poderão ser depositados na Conta Única do Tesouro do Rio de Janeiro (Cute). Para o Ministério Público, a prática que vinha sendo adotada ameaçava a correta destinação destas verbas.

Em nota, a Secretaria de Estado da Fazenda disse que, apesar do cenário de crise, houve aumento nos investimentos em educação nos últimos três anos, saindo de R$ 9,018 bilhões em 2015, para R$ 9,115 bilhões em 2016 e chegando a R$ 9,216 bilhões em 2017. A pasta afirma que o enquadramento contábil dos limites constitucionais destinados à educação segue regras de contabilidade durante todo o exercício.

"No caso de haver receitas não previstas ao fim do período, há que se adotar medidas, em consonância com a boa governança e economicidade, em virtude desse cenário. O ingresso, na última semana de 2017, de receitas não previstas ocasionou a necessidade de revisão dos parâmetros, visto não haver tempo hábil para promover a liquidação e pagamentos, tendo em vista a racionalização do gasto público, equilíbrio fiscal e boa gestão pública", acrescenta o texto.

Edição: Denise Griesinger
 
Autor/Fonte: Léo Rodrigues – Repórter da Agência Brasil
Link Referência: http://agenciabrasil.ebc.com.br/geral/noticia/2018-03/justica-determina-que-rio-cumpra-investimento-minimo-obrigatorio-em-educacao
 
Voltar
COMPARTILHE PARA TODOS

170 | academia | creche | motiva | piscina | zona eleitoral | visagismo | ensino | persiana | decoraçao | cortinas | bar | salao | zona | a | visagismo | psicologa | art | apple | carvão | reforma | sopa | batata do vall | insulfilm | 2 | revista impacto | casa | batata | revista | tre | vet pituka | churrasco | restaurante | contabilidade | jardineiro | saco de pão | 170ª | vet | advogado | impermeabilização | synteko | assistencia | marceneiro | saco | motivaçao | pizza | | tijuca | advogados | móveis |

DESTAQUES
Beleza
 
Estilo
 
Ibeas
 
Apoio
twitter
 
Hemorio
 
FranquiaGCO
 
Instagram
 
facebook
 
CUPOM DESCONTO
GUIA SHOP ONLINE
AVALIAÇÕES
BAIXAR APP
mais cidades online

Angra dos Reis-RJ | Aracaju-SE | Barreiras-BA | Bebedouro-SP | Brusque-SC | Campinas-SP | CAMPO GRANDE-MS | Campos Jordão-SP | Duque de Caxias-RJ | Formiga-MG | Guarapuava-PR | Guariba-SP | Ijuí-RS | Ilha Comprida-SP | Itabirito-MG | Jaboticabal-SP | Jaú-SP | Joinville-SC | Lagoa da Prata-MG | Londrina-PR | MANAUS-AM | Mariana-MG | Matão-SP | Monte Alto-SP | Nova Serrana-MG | Ouro Preto-MG | Peruíbe-SP | Piracicaba-SP | Pirassununga-SP | Posse-GO | Praia Grande-SP | Ribeirão Preto-SP | Rio de Janeiro (Honório Gurgel)-RJ | Rio de Janeiro (Tijuca)-RJ | Santa Maria-RS | Santarém-PA | Santos Dumont-MG | São Bernardo Campo-SP | São Borja-RS | São João Paraíso-MG | São José Campos-SP | São José da Lapa-MG | São Paulo (Penha)-SP | São Pedro-SP | Serra-ES | Sertãozinho-SP | Sobral-CE | Sumaré-SP | Tangará da Serra-MT | Tijucas-SC | Uruguaiana-RS | Vale do Ribeira-SP | Varginha-MG | Vila Velha-ES | VITÓRIA-ES | Votuporanga-SP |

GUIA CIDADE ONLINE - FRANQUIA UNIDADE: Rio de Janeiro (Tijuca)-RJ
COPYRIGHT© 2006 - GUIA CIDADE ONLINE - WWW.GUIACIDADEONLINE.COM.BR - ALL RIGHTS RESERVED
 DEVELOPED BY GWS ONLINE - WWW.GWSONLINE.COM.BR